Elliott Smith
Strung Out Again



Leituras Recomendadas:


The Bible According to Mark Twain
+
Animal Behavior






a causa foi modificada
alexandre soares silva
estado civil
joão pereira coutinho
melancómico
voz do deserto



100nada
a aba de heisenberg
a origem das espécies
a sexta coluna
achoeu
adufe
amor em part-time
blogame mucho
bomba inteligente
contra a corrente
daltonic brothers
fábrica lumière
homem a dias
mar salgado
marretas
papoila procria
posto de escuta
a praia
quase famosos
rititi
senhor carne
theoldman








cinecartaz
guardian film
rotten tomatoes
nytimes movies
the film file
sight&sound
all story
filmfestivals.com
faber&faber film
eternal gaze
cineguia
icam



<








This page is powered by Blogger. Isn't yours?


domingo, maio 16, 2004


O ópio do povo


Gostei de ver o meu clube quebrar um jejum de títulos. Mas não vou para a rua festejar.
No dia em que observar os portugueses empenhados em levar o seu país para a frente, utilizando o seu próprio suor, sem usar como desculpa o árbitro ou o governo, sem se deixar levar pela demagogia fácil de partidos políticos ou canais de televisão, sem D.Sebastião, sem anti-americanismo, sem apontar o dedo a franceses, países de leste, brasileiros, e espanhóis. No dia em que os portugueses acordarem em massa, e perceberem que há um caminho para a frente, que é necessário evoluir pessoalmente, que precisamos pensar por nós próprios. No dia em que o português deixar de se levar pela opinião fácil, pela preguiça, pela azia. Nesse dia vou para a rua, e vou gritar até os meus pulmões não aguentarem mais.








Google
WWW A Origem do Amor